Investir em projectos em branco ou venda privada

Existem diversas formas de adquirir sua primeira casa. Entre as várias ofertas de venda das imobiliárias, você pode investir em projetos nas cores branca e verde (ambas as pré-vendas), além de optar por entregas imediatas. Mas, sabe do que se tratam?
Cada uma dessas formas de venda apontam para os diferentes requisitos dos compradores, principalmente econômicos. Nesse sentido, é importante ter claro em que consiste cada uma delas para ver qual se adapta mais à sua realidade financeira e projeções.
1.- Venda Privada
Os tipos de venda de propriedades existentes, investir em projetos na “Venda Privada” é a opção mais econômica de todas. Algumas de suas características são:
A Pré-venda começa a se realizar, quando ainda se está apresentando o projeto na Prefeitura, portanto, a construção ainda não foi iniciada, a imobiliária já adquiriu o terreno e a prefeitura ainda não aprovou a Permissão de Edificação.
Ainda não é assinatura de uma promessa de compra e venda, uma vez que está em trâmite a permissão da prefeitura. Portanto, normalmente reserva-se com $100.000 por departamento. Se o projeto for rejeitado pela prefeitura, o dinheiro é devolvido ao investidor.
Nesta etapa, você pode escolher boa orientação e altura de seu departamento, bem como parque de estacionamento e adegas. No entanto ainda os planos e características do projeto estão sujeitos a alterações.
As terminações oferecidas inicialmente costumam variar durante a construção, o que pode significar um risco.
O interessante desta etapa é que o investidor pode obter a mais-valia de entre 30% a 40% do preço original promesado.
2.- Em branco
Os tipos de venda de propriedades existentes, investir em projetos em branco é a segunda opção com maior valor de todas. Algumas de suas características são:
A venda se realiza quando a construção ainda não foi iniciada, mas a imobiliária já adquiriu o terreno e a prefeitura aprovou o projeto.
Assinatura de uma promessa de compra e venda por um futuro departamento cuja data de entrega, geralmente, é em 2 anos. Durante este tempo, o projeto ganha mais-valia.
Você pode escolher boa orientação e altura de seu departamento, bem como parque de estacionamento e adegas.
As terminações oferecidas inicialmente costumam variar durante a construção, o que pode significar um risco.
O interessante desta etapa é que o investidor poderia obter valor entre 20% a 30% do preço original promesado.
3.- Em verde
Agora, para os que procuram comprar algo de mais concreto, existe a venda em verde, que se realiza durante o processo de construção.
Para muitos, é conveniente, uma vez que o projeto já dispõe de uma Sala de Venda comercial com normalmente um departamento piloto e algo mais econômico em que o preço de um projeto de entrega imediata.
Fica uma menor quantidade de apartamentos para escolher com fins de investimento, dado que na fase de Pré-Venda e branco é normalmente onde o Investidor Formiga tomar uma posição com respeito a sua compra.
O preço de compra é mais elevado em relação à venda em branco.
O interessante desta etapa é que o investidor ainda pode obter uma mais-valia entre 5% a 10% do preço original promesado versus o preço final de avaliação.
4.- Entrega imediata
Nesta fase você já está comprando sobre um imóvel concluído.
Oferece mais tranquilidade ao ver o projeto concluído.
O preço do imóvel é o valor de mercado e as expectativas de mais-valia tem relação diretamente com variáveis pós-entrega da área que está localizada mais que do projeto mesmo.
O Retorno do investimento é imediato.
Como vemos, investir em projetos em venda privada ou em branco é sem dúvida uma excelente opção para não só poupar dinheiro, mas que multiplicá-lo, no entanto, você deve garantir a compra com uma imobiliária de confiança e de prestígio.

Posted in Sem categoria